OAL mantém e fornece a Hora Legal Portuguesa, desenvolve e apoia atividades de investigação científica em Astrofísica, de divulgação e formação, de estudo e preservação do excelente acervo patrimonial, além de manter um serviço público nas suas áreas de intervenção.

Imagem da Semana

  • A galáxia de Andrómeda

    M31_OAL120s_web

    A M31 na constelação de Andrómeda é a maior galáxia do Grupo Local (GL) a que a Via Láctea pertence, tal como a galáxia M33 do Triângulo com a qual teve uma passagem próxima no passado. É brilhante o suficiente para ser vista a olho nu numa noite de céu escuro, o que a torna preferencial para observar com pequenos telescópios apesar de só a região central (a mais luminosa) poder ser assim vista.

    É uma galáxia espiral com uma massa estimada em 2 a 3 vezes a da Via Láctea e, tal como a nossa, foi formada pela agregação de outras mais pequenas. Encontra-se a 770 kpc (8x o diâmetro da nossa, contando com a gás extenso do disco) e a dinâmica de rotação em torno do centro de massa do GL faz com que a M31 tenha uma velocidade com componente radial de aproximação de 300 km/s.

    Esta imagem mostra a parte mais interior da M31 onde as nuvens de poeira visíveis  delineam braços espirais, e é a composição de 3 fotos obtidas com um dos telescópios do OAL nas sessões públicas no Centro Ciência Viva do Lousal: um Ritchey-Chrétien de 10” com uma Canon EOS 60Da, num total de 120s de pose, que mostra a óptima qualidade do céu alentejano. 

visualizar e/ou assinar o Livro de Visitas do OAL

Consulte e assine o Livro de Visitas

  • Andre Palmeira
    Gostei muito do site, ja esta na barra de favoritos. E muito util

 

Não são permitidos comentários.